quinta-feira, 5 de maio de 2011

Parece-me!

Parece-me que o mundo está de pernas para o ar. Parece-me que as portas se fecham e as janelas se batem em vez de deixarem entrar o sol. Parece-me que se perdeu tudo, o respeito, a honestida, o bom senso, a justiça. Parece-me que a podridão humana é cada vez mais uma certeza, sem reciclagem possivel. Parece-me que se perdeu a consciencia e os principios básicos.
Parece-me que não quero mais viver aqui, neste mundo que cheira mal e conspurca um universo criador. Parece-me que já faltou mais.
Parece-me!

2 comentários:

Maria Eduarda Horta disse...

Sabes que mais minha querida? A mim também me parece!

izzie disse...

Querida amiga,

Posso levar uma parte das tuas palavras para o meu cantinho?

Beijo grande,